Policial civil é baleado por bandidos e dirige moto até conseguir ajuda na Grande Natal

Um policial civil foi baleado no ombro na manhã deste sábado (20) após ser abordado por bandidos na entrada do município de Georgino Avelino, no interior do Rio Grande do Norte. Após ser atingido, ele dirigiu cerca de 15 quilômetros até o município de São José de Mipibu, na Grande Natal, onde pediu ajuda e conseguiu ser atendido numa Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Ele não corre risco de morte.

O policial civil tinha saído de casa, em São José de Mipibu, no início da manhã para deixar a mulher no trabalho. No retorno, quando passava na entrada da cidade de Georgino Avelino, pela BR-101, dois criminosos parados em duas motos na pista apontaram a arma para ele e o renderam.

Os bandidos exigiram que o policial se deitasse no chão, mas ele resistiu e foi agredido. Em seguida, os bandidos roubaram a pistola e a carteira funcional de trabalho e atiraram. A bala atingiu o ombro da vítima e atravessou o corpo.

A moto não foi levada e a dupla também abandonou uma das motos em que estava antes de fugir.

Mesmo ferido, o policial subiu na própria moto e conseguiu dirigir até São José de Mipibu, cerca de 15 quilômetros distante, onde recebeu ajuda de populares para ser atendido na UPA da cidade.

Após atendimento inicial, ele foi transferido para o Hospital Regional Deoclécio Marques de Lucena, em Parnamirim. Segundo boletim médico, o estado dele é estável e não há risco de morte.

G1RN

Qual sua opinião?