Covid-19: fila por leitos críticos no cai 72,6% em menos de um mês

Os números da -covid-19 no país seguem assustando e a situação é considerada grave em todos os estados do Brasil.  No entanto, um dado positivo tem sido registrado no Rio Grande do Norte: a redução na fila de espera por leitos críticos. Apesar de ainda n]ao haver uma queda no percentual de ocupação, nesta quarta-feira(7), o número de pacientes  aguardando por uma vaga em UTI era 72,6% menor do que no dia 17 de março.

Nesta quarta-feira, de acordo com dados do portal Regula RN, eram 36 pessoas  à espera por um leito crítico (com 20 vagas disponíveis). No dia  17 de março, eram 131 aguardando a liberação de uma vaga de UTI, quando havia apenas 14 vagas.

A queda na fila, contudo, ainda não refletiu na ocupação de leitos críticos. Dos 394 em funcionamento na rede pública do Rio Grande do Norte, 355 estão  ocupados e 19 estão bloqueados, o que indica uma ocupação ainda  superior a 90%.  No Estado, a ocupação é de 94,7% dos leitos disponíveis, enquanto a região metropolitana tem 93%, Oeste 99,1% e Seridói 92,5%.

Tribuna do Norte

Qual sua opinião?