Pais de crianças autistas denunciam negligências de planos de saúde em Natal

Grupo de pais realizou ato no último sábado | Foto: cedida

Pais, mães e responsáveis por crianças autistas se reuniram em frente ao shopping Midway Mall, na Av. Nevaldo Rocha, em Natal, para protestar contra planos de saúde e denunciar negligências com o atendimento às crianças com deficiência. 

O grupo denunciou a falta de atendimento especializado que muitas crianças autistas sofrem, a falta de atendimento domiciliar e escolar e a negligência de cumprir com os tratamentos.

Karina Pereira é uma mãe atípica de Natal e esteve presente no ato. Em conversa com a Agência Saiba Mais ela explicou que essa não é primeira vez que aquele ato acontece e que o grupo de pais já fizeram vários movimentos. 

Ali são mães atípicas, usuárias de diversos planos de saúde e mães usuárias do SUS que estão reivindicando melhorias nos atendimentos. A cada dia que passa tem ficado mais difícil o acolhimento aos nossos filhos. Os planos têm negado o tratamento e muitas das vezes têm limitado o que o laudo tem pedido. Muitas vezes têm crianças que estão em fila de espera que não estão conseguindo os atendimentos, mesmo pagando plano de saúde.”, explicou. 

A mãe também comentou da negligência que o grupo sofre com os atendimentos em diversos planos de saúde particular de Natal. “Então assim, é uma luta diariamente. É algo que a gente já vem lutando desde 2021. Tivemos algumas conquistas, mas mesmo assim os planos continuam a negligenciar os tratamentos.”, denúncia. “Muitas famílias têm partido para a justiça, mesmo assim, muitos dos planos não cumprem as liminares, persistem em negar o tratamento e foi um ato realmente de pedido de socorro, né? Para que realmente alguém possa nos enxergar e fazer alguma coisa por essa causa, né? Que a cada dia se torna mais difícil.”, completa. 

Bruna Oliveira, mãe de duas crianças atípicas e coordenadora do Coletivos de Pais Atípicos do RN, explicou que o protesto foi para reivindicar o que é de direito das crianças autistas e pcd’s em geral.  Dentro das denúncias do movimento estão os centros de reabilitações com longas espera e com poucos neuropediatras para atender demandas do estado inteiro. Além disso, a mãe também denuncia as negligências que as crianças sofrem em planos de saúde privados em Natal. 

Fonte: Agência Saiba Mais

Copy link