Pai e filho morrem vítimas da Covid-19 com menos de 30 minutos de diferença no RN

Pai e filho morreram vítimas da Covid-19 com uma diferença de menos de 30 minutos no interior do Rio Grande do Norte. O caso aconteceu no fim da noite desta quarta-feira (17) em Pau dos Ferros, no Alto Oeste.

João Batista Fernandes de Oliveira era comerciante e tinha 49 anos. Ele começou a ter sintomas no dia 23 de fevereiro. Já o pai, Deoclecio Fernandes de Oliveira, de 83 anos, começou a apresentar sintomas um dia depois. Ambos moravam em Itaú.

De acordo com o sobrinho de João Barista e neto de Deoclécio, Maedon Fernandes, o tio estava internado há 14 dias e avô, 13. João Batista era obeso e tinha diabetes. Já o pai, Deoclecio, não tinha comorbidades e não havia recebido a vacina contra a Covid-19.

Maedson contou que o avô estava intubado, sofreu uma parada cardiorrespiratória e morreu por volta das 23h30 desta quarta-feira (17). O tio morreu minutos depois, pouco antes da meia-noite.

“Meu avô estava intubado e sedado e meu tio estava na UTI também, mas estava bem. Todo dia falávamos com ele. Meu tio querido, uma cara saudável, uma cara trabalhador, veio a óbito. A gente jamais acreditou que isso iria acontecer”, disse Maedson Fernandes

A esposa de seu Deoclecio também foi contaminada pelo vírus, passou dois dias internada, mas já recebeu alta. A esposa e o filho de João Batista também testaram positivo para a Covid-19, mas já se recuperaram.

Os corpos de pai e filho chegaram por volta das 9h20 da manhã desta quinta-feira (18) à cidade de Itaú e em seguida foram sepultados no cemitério do município.

Segundo o boletim divulgado pela secretaria municipal de saúde de Itaú, nesta quarta-feira (17), o município contabilizava 160 casos confirmados da Covid-19 e 5 óbitos. Os óbitos de João Batista e Deoclecio Fernandes foram confirmados após a divulgação do último boletim. O município tem cerca de 4,8 mil habitantes.

G1RN