TRE orienta juízes eleitorais a requisitarem atuação das guardas municipais

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN), Desembargador Gilson Barbosa, está orientando aos juízes das zonas eleitorais que requisitem a atuação das guardas municipais na segurança das urnas eletrônicas, nas cidades que disponham desse tipo de efetivo.

De acordo com levantamento do TRE, pelo menos 30 municípios do estado contam com efetivos de guarda municipal. Somente em Natal, a tropa do município tem mais de 400 guardas. Esses agentes de segurança poderão atuar na proteção das urnas nos locais de votação sob a administração municipal, trabalhando em conjunto com a Polícia Militar neste tipo de atividade.

O presidente do TRE-RN destaca que a segurança das eleições está planejada para a atuação conjunta de diversas forças. Das tropas federais autorizadas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para 113 municípios, da Polícia Federal, da Polícia Rodoviária Federal, da Polícia Militar e das guardas municipais. “Está sendo realizado todo um planejamento conjunto com a finalidade de garantir eleições seguras, de modo que o eleitor possa cumprir o seu dever cívico em um ambiente de paz e tranquilidade”, declarou Gilson Barbosa.