Operação Ali Babá cumpre mandados judiciais e realiza prisões na cidade de Macau

Material apreendido – foto divulgação

No dia 10 de fevereiro de 2021, uma operação realizada no município de Macau deu cumprimento a três mandados de prisão preventiva e seis mandados de busca e apreensão expedidos pelos juízos da 1ª e 2ª Vara da Comarca de Macau. Também foram lavrados três autos de prisão em flagrante delito.

A operação, denominada Ali Babá, foi realizada pela 5ª Delegacia Regional de Polícia Civil e Polícia Militar de Macau, com a participação de policiais civis de outras unidades do estado, e está relacionada à investigação de roubos, organização criminosa e tráfico de drogas na cidade salineira.

Investigados por roubo e tráfico de drogas, foram presos: Josivaldo Firmino da Silva, 24 anos, Gleybson do Nascimento Silva, 27 anos, e Josias Gomes da Silva Júnior, 22 anos. Também foram cumpridos mandados de busca e apreensão nos endereços dos suspeitos.

Também foi preso, investigado por tráfico de drogas e organização criminosa, a pessoa de Caio Gleisson da Silva Avelino, conhecido por “vovozona”, 24 anos. Em seu endereço foi cumprido mandado de busca e apreensão, através do qual, com apoio de cães treinados, foram localizados mais de dois quilos de drogas; entre crack, cocaína e maconha. Também foram apreendidos R$ 3.640,00 de dinheiro, em espécie, fracionado, e duas balanças de precisão, além de outros utensílios usados para preparação da droga.

O investigado Idonésio Rodrigues de Sousa não foi localizad oi cumprido mandado de busca e apreensão no endereço de Matheus Ramon Nascimento Costa, conhecido por “nego de babaçú”, 32 anos, investigado por roubo. Ele não foi localizado e encontra-se foragido da justiça.

As ações são oriundas de investigações dos roubos ocorridos nos dias 31/12/2020 e 19/01/2021, em comércios Macauenses. O foragido “nego de babaçú”, contra o qual há mandado de prisão preventiva, é investigado pelo roubo de um malote de dinheiro da casa Macau, ocorrido no dia 18/01/2021.

A Polícia Civil continua as investigações e solicita à população que envie informações, por meio do Disque Denúncia 181, para localizar Matheus Ramon, assim como, ajudar na elucidação de outros crimes.

Fonte: 5ª Delegacia Regional de Polícia Civil – 5ª DRP/Macau.