Operação 167-2020 leva 97 pessoas à prisão por crimes diversos no RN

A Polícia Civil do Rio Grande do Norte deflagrou, nesta quinta-feira (26), a “Operação 167 – 2020”, com o objetivo de cumprir mandados de prisão: preventiva, temporária e condenatória, em desfavor de suspeitos de praticarem crimes de homicídios, tráfico de drogas, roubos, furtos, porte ilegal de arma de fogo, entre outros.

Ao todo, 97 pessoas foram presas até o momento no Estado do Rio Grande do Norte. O título da operação faz menção aos 167 municípios potiguares e mobilizou unidades da capital e do interior.

Das 97 prisões, 42 foram decorrentes da prática de crimes de roubo; 22 por tráfico de drogas; 13 por homicídios e quatro em contexto de violência doméstica. Foram presas cinco pessoas em flagrante delito e cumpridos 15 mandados de prisão no sistema prisional. 

Natal e Grande Natal

Na Capital e Grande Natal, participaram da Operação as seguintes unidades policiais: Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Delegacia Especializada em Narcóticos (Denarc), Delegacia Especializada em Capturas e Polinter (Decap), Delegacia Especializada de Defesa da Propriedade de Veículos e Cargas (Deprov), Delegacia Especializada em Acidentes de Veículos (Deav), as 15 Delegacias Distritais de Natal, além das duas Delegacias Distritais de Parnamirim. 

A Delegacia Especializada em Narcóticos (Denarc) de Natal realizou sete prisões, sendo seis pelo crime de tráfico de drogas e uma por adulteração de chassis. A Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) foi responsável por cinco prisões, sendo duas delas definitivas e três preventivas, pela prática de crimes de homicídio. A 2a Delegacia Distrital de Natal efetuou 11 prisões na capital potiguar, referentes à prática dos crimes de furto, roubo, tráfico de drogas, associação para o tráfico e receptação. A 6a Delegacia Distrital cumpriu quatro mandados de prisão preventiva, relativos a crimes de furto, roubo e decorrentes de violência doméstica. Já as delegacias distritais de Parnamirim foram responsáveis por nove prisões pelo cometimento dos crimes de homicídio, tráfico de drogas e roubo. 

Interior

No interior, as prisões foram realizadas pelas seguintes unidades policiais: Delegacia Especializada em Furtos e Roubos (Defur) e Delegacia Especializada em Narcóticos (Denarc) de Mossoró; Delegacias Municipais de: Acari, Baraúna, Caicó, Goianinha, Jucurutu, Macaíba, Parelhas, São José de Mipibu, São Paulo do Potengi, Tangará e Touros, além das 1ª, 6ª, 9ª e 10ª Delegacias Regionais de Polícia (DRP). 

Fonte: Portal Grande Ponto