Sanção do Executivo ao projeto da carcinicultura é comemorada por Gustavo Carvalho

GUSTAVOA lei Cortez Pereira, sancionada na última semana pelo governador do Estado Robinson Faria (PSD) foi o tema do pronunciamento do deputado estadual Gustavo Carvalho (PROS) na manhã desta terça-feira (15) na Assembleia Legislativa. A matéria, de sua autoria, regulamenta a atividade da carcinicultura no Estado.

“Agradeço ao governador Robinson, aos deputados, a presidente da Comissão de Constituição e Justiça, deputada Márcia Maia, a todos do Governo que se debruçaram neste projeto, felizmente apresentado pelo nosso mandato. Com essa lei, o nosso estado padroniza a carcinicultura e parte na frente, beneficiando a atividade que é uma das mais importantes para o nosso desenvolvimento”, disse Gustavo Carvalho.

Em aparte, o deputado Gustavo Fernandes (PMDB) disse que a carcinicultura é um grande viés de desenvolvimento. “O nosso Estado é propício para a criação de camarão e o setor está vibrando com a Lei, que vai possibilitar a geração de mais emprego e renda”, disse. Carlos Augusto Maia (PTdoB), Márcia Maia (PSB) e Ricardo Motta (PROS) também parabenizaram a sanção da Lei. “Essa foi uma matéria debatida, discutida entre todos os parlamentares com muito aprofundamento”, concluiu Márcia.

Carcinicultura no RN
O Rio Grande do Norte ocupa a 2ª posição nacional na criação de camarão e responde por 25% da produção brasileira, com 350 produtores explorando uma área de 7 mil hectares de viveiros, gerando 20.000 empregos, cuja produção em 2014 (25 mil toneladas) contribuiu para a obtenção de uma receita total derivada de sua cadeia produtiva da ordem de R$ 500.000,00 (Quinhentos Milhões de Reais).