Rio Grande do Norte e Ceará receberam mais de mais de R$ 6,5 milhões para execução do Programa de Aquisição de Alimentos

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, esteve nesta terça-feira (13) no Rio Grande do Norte e no Ceará para dar sequência ao repasse de recursos do Governo Federal ao Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). Os dois estados receberam, respectivamente, R$ 1,5 milhão e R$ 5 milhões, somando mais de R$ 6,5 milhões para execução do programa de incentivo à agricultura familiar.

O Ceará já recebeu este ano mais de R$ 51,4 milhões para a execução do PAA. Os recursos beneficiam mais de 12 mil agricultores familiares locais e atendem cerca de 600 mil pessoas em situação de vulnerabilidade, com doações de 15,8 mil toneladas de alimentos. 

No Rio Grande do Norte foi assinado o acordo de adesão, com um valor destinado que deve beneficiar mais de quatro mil agricultores familiares locais e atender cerca de 350 mil pessoas. 

Em setembro o ministro visitou nove estados brasileiros para assinar Termos de Adesão do repasse de recursos são eles: Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Sul, Tocantins, Goiás, Pará, Amazonas, Mato Grosso e Minas Gerais. Em outubro, Paraná e Santa Catarina também fizeram parte da agenda. Para o Onyx, o maior ganho do PAA é fazer a ponte entre produtor e população.

Para auxiliar os pequenos agricultores no enfrentamento da pandemia da Covid-19, no mês passado o governo liberou mais R$ 72,9 milhões para a execução do PAA nos 26 estados e no Distrito Federal. O valor se soma aos R$ 500 milhões liberados em abril, valor destinado aos estados para garantir a compra de produtos da agricultura familiar por meio do programa.

Fonte: Brasil 61

Qual sua opinião?