Programa de Conservação de Estradas Estaduais já recuperou cerca de 1.200 km da malha viária do RN

O Programa de Conservação de Estradas Estaduais, lançado em julho pelo Governo do Estado, já executou serviços em 1.199,00 km de rodovias nos sete distritos rodoviários do Rio Grande do Norte. Ainda estão previstos 1.398,83 km, totalizando 2.597,83 km após a conclusão dos trabalhos, prevista para o mês de novembro. Foram investidos R$ 17 milhões na recuperação da malha viária estadual, visando principalmente a segurança da população e o desenvolvimento dos municípios.

As equipes do Departamento de Estradas de Rodagem (DER-RN) estão atuando nos principais eixos rodoviários que ligam o Rio Grande do Norte a outros estados e que interligam as regiões do estado. Para agilizar os serviços, o DER-RN estabeleceu um sistema de mutirão semanal, concentrando os trabalhos em uma única rodovia, em cada distrito. Os principais serviços são consertos de buracos e de defeitos no asfalto, realização de roçada manual e revisão de pavimento e drenagem.

Segundo o diretor-geral do DER-RN, Manoel Marques, até a primeira quinzena de novembro, devem ser recuperados cerca de 2.400 km, o que representa 80% da malha viária do RN. Atualmente, cada distrito rodoviário conta com três turmas trabalhando, o que totaliza 21 turmas atuando em todo território potiguar. Mas o objetivo é aumentar esse número para 28 turmas, visando cumprir o cronograma estabelecido no prazo estabelecido. “Muito provavelmente, se forem mantidas essas condições, nós atingiremos nossa meta. Nosso objetivo é recuperar toda a malha rodoviária do Estado”, disse.