PRF encerrou Operação Eleições 2020 no Rio Grande do Norte

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) encerrou, neste domingo (15/11), a Operação Eleições 2020, que teve seu início na quinta-feira (12/11). No entanto, desde o início da semana a PRF realizou ações integradas com o Ministério Público Estadual e Justiça Eleitoral, além de atuações operacionais nas rodovias federais.

Durante as ações de combate a crimes eleitorais, situações irregulares foram flagradas nos municípios de Assu, Upanema, Bom Jesus e São Fernando. Entre as irregularidades mais constatadas estão o transporte de eleitores, transporte de valores que sugeriam que seriam utilizados na “compra de votos”, material de campanha irregular e lista de eleitores com marcações com indícios de fornecimento de vantagens em troca do voto. Mais de 12 mil reais foram apreendidos e seis pessoas foram presas no estado pela PRF por crimes eleitorais.

A PRF também intensificou o policiamento nos principais corredores de transporte de pessoas e cargas no estado, com a finalidade de realizar o enfrentamento a outras modalidades criminosas, e também inibir as condutas dos condutores que mais contribuem para a incidência de acidentes graves.

Durante o período da Operação, mais de três mil pessoas e veículos foram fiscalizados. Foram realizados mais de 100 testes de bafômetro, sendo duas pessoas presas por embriaguez ao volante. Foram registrados 18 acidentes, os quais cinco de natureza grave e uma pessoa morreu.

No período foram presas 15 pessoas por crimes diversos, sendo apreendidos 21 mil reais, seis quilos de maconha, recuperados três veículos, apreendidas duas armas de fogo e um milhão de maços de cigarros.

A ocorrência de maior destaque no período, foi uma ação integrada entre a PRF, MPE e PM que resultou na apreensão de um milhão de maços de cigarros contrabandeados, de uma carreta, dois caminhões, dois veículos de passeio e duas embarcações, uma inclusive de grande porte. Considerando a apreensão da carga de cigarros, dos veículos e embarcações, resultou em um prejuízo, a essa organização criminosa, que ultrapassou os 6,5 milhões de reais.

Qual sua opinião?