Mossoró: Projeto da verba indenizatória é aprovado na Câmara e segue para sanção

Vereadores aprovam Redação Final de projeto polêmico – Foto: Edilberto Barros

O texto final do projeto que dispõe sobre a verba indenizatória na Câmara de Mossoró foi aprovado com sete votos favoráveis, dos vereadores Aline Couto (sem partido), Alex Moacir (MDB), Alex do Frango (PMB), Rondinelli Carlos (PMN), Ozaniel Mesquita (PR), Maria das Malhas (PSD) e João Gentil (sem partido). A proposta segue agora para sanção da prefeita mossoroense Rosalba Ciarlini (PP).

O projeto 339/2018 teve seis abstenções: Emílio Ferreira (PSD), Petras Vinicius (DEM), Francisco Carlos (PP), Didi de Arnor (PRB), Tony Cabelos (PSD) e Ricardo de Dodoca (PROS).

O único vereador contrário foi Raério Araújo (PRB). Os vereadores Sandra Rosado (PSDB), Genilson Alves (PMN) e Zé Peixeiro (PTC) não estavam presentes na sessão extraordinária que foi convocada para hoje (22).

O projeto que fixa cota para o exercício da atividade parlamentar já havia sido votado, mas o texto final com 12 emendas precisava de aprovação.

O valor da verba indenizatória foi fixado em R$ 4.500.

Mesmo com a aprovação, a presidente Izabel Montenegro (MDB) reafirmou ao Blog que só vai pagar a verba quando mérito da matéria for julgado no TCE.

Karol Ribeiro