Governo do RN reúne gestores de municípios litorâneos para discutir aplicação do decreto

Diante da grave crise sanitária causada pela pandemia, o Governo do Rio Grande do Norte reuniu prefeitos e secretários de Turismo dos municípios litorâneos para alertar sobre a importância da adesão de todos ao Decreto Nº 30.419/21, que estabelece medidas restritivas por duas semanas.

O decreto, editado de forma conjunta entre Governo do Estado e Prefeitura de Natal, com apoio da Federação dos Municípios (Femurn), suspende atividades não essenciais e terá vigor deste sábado (20) ao dia 2 de abril, em todo o território estadual.

Participaram da reunião além de equipe do Governo e Ministérios Públicos Estadual (MPRN) e Federal (MPF/RN) e do Trabalho (MPT); representantes de Canguaretama, Baía Formosa, Rio do Fogo, Porto do Mangue, Galinhos, Georgino Avelino, Macau, Areia Branca, Grossos, Pedra Grande, Porto do Mangue, Touros, São Miguel do Gostoso, Tibau, Parnamirim, Ceará-Mirim e Caiçara do Norte.

A governadora Fátima Bezerra pediu apoio, salientando a importância de secretários e prefeitos divulgarem as novas regras em seus municípios para evitar dúvidas na população. “Estamos aqui para alinhar as ações com vistas a garantir a aplicabilidade efetiva dessas novas medidas que começam a partir deste sábado. Quero destacar a participação valiosa dos Ministérios Públicos pelo papel tão relevante que eles têm desempenhado”, declarou a governadora, lembrando que as orientações são científicas e que, infelizmente, apenas ampliar a assistência, com mais leitos, não é suficiente.