Governadora define saúde, segurança, educação, recursos hídricos e agropecuária como prioridades para 2021

Na leitura da mensagem anual à Assembleia Legislativa, Fátima Bezerra anunciou metas e prestou contas das realizações

A governadora Fátima Bezerra destacou ações nas áreas da saúde, segurança, educação, recursos hídricos e produção agropecuária como prioridades para o terceiro ano de sua gestão – 2021 – na leitura da mensagem anual à Assembleia Legislativa nesta terça-feira (02).

No plenário do Legislativo, a governadora citou a continuidade das ações no enfrentamento à pandemia da Covid-19, inclusive com a cobrança ao governo federal para o envio de vacinas suficientes para atender toda a população, investimentos no sistema público de segurança com a realização de concursos públicos para contratar pessoal para as polícias Militar, Civil e Itep, incorporação de pessoal ao Corpo de Bombeiros, investimento de R$ 260 milhões na educação profissional, formação continuada de professores e combate ao analfabetismo, continuidade dos programas de perfuração de poços, distribuição de sementes e assistência técnica aos pequenos produtores.

Além disso, a chefe do Executivo conclamou os parlamentares e a sociedade para somar esforços pela conclusão da barragem de Oiticica, no município de Jucurutu, da nova comunidade de Barra de Santana e para o início das obras do ramal do Apodi, que integram o complexo do sistema de transposição de águas do rio São Francisco.

“Volto a esta casa na qual tive a honra de representar o povo do Rio Grande do Norte por dois mandatos consecutivos. Iniciamos 2021 com a esperança na vacinação e melhores dias para o povo potiguar e brasileiro. Venho anunciar ações de Governo e prestar contas aos parlamentares e à sociedade. Contribuir para a construção de uma sociedade mais justa e igualitária tem sido o principal combustível deste Governo.

Desde que assumimos, temos pago os salários do funcionalismo dentro do mês trabalhado, o que significa respeito, dignidade e qualidade de vida aos servidores, além de um considerável aporte de recursos na economia do estado. Conseguimos criar um ambiente fiscal favorável ao crescimento econômico, garantindo a permanência de empresas e atraindo novas, gerando milhares de empregos”, afirmou a governadora.

Fátima Bezerra registrou que mesmo atravessando uma pandemia, o Governo não deixou de trabalhar. “Temos uma gestão que trabalha, cuida da população e presta contas do que faz. Presta contas diariamente no Portal da Transparência. Uma gestão que segue o caminho do diálogo, da transparência e da responsabilidade. Sou grata ao papel que poderes e ministérios públicos exerceram na fiscalização e controle da gestão e na definição das ações no combate à pandemia. Grata, também, às universidades federais e à universidade estadual que muito têm contribuído para as realizações do governo”.

Ainda no campo da saúde, a governadora disse que a batalha contra o coronavírus contribuiu para fortalecer a rede hospitalar estadual. “Hoje, deixamos um legado de 600 novos leitos, o que equivale a seis hospitais de campanha. Com a vacinação, pela qual tanto lutamos, estamos favorecendo o desenvolvimento econômico. O Plano Estadual de Vacinação é uma realidade. Em 24 horas desde quando recebemos o imunizante, iniciamos a vacinação. Hoje somos o 5º estado com maior número de vacinados. Nosso maior diferencial é, ao mesmo tempo que cuidamos do povo, das minorias, das camadas mais vulneráveis da sociedade, garantimos segurança alimentar e hídrica, reforçamos a assistência social, a agricultura familiar, a pesca artesanal e a economia solidária. Temos um olhar voltado para fortalecer a classe produtiva, a começar pelos pequenos empreendedores”.