Candidatos à Prefeitura do Natal já gastaram mais de R$ 5,5 milhões

Os candidatos à Prefeitura de Natal já gastaram mais de R$ 5,5 milhões na campanha deste ano, segundo o sistema da Justiça Eleitoral que mostra a movimentação ­ financeira na conta dos candidatos. O levantamento foi feito pelo Agora RN na tarde desta terça-feira 3. Ao todo, as contas declaradas até o último dia 1º de novembro dos 14 candidatos somam R$ 5.541.933,50 em despesas contratadas para a campanha de 2020.

Nessa conta, também estão gastos do candidato Fernando Pinto (Novo), que já desistiu. Em Natal, o candidato que mais teve gastos foi o candidato à reeleição, Álvaro Dias (PSDB), com um total de R$ 2.479.179,10 milhões em despesas. Em segundo e terceiro lugar, estão os candidatos Senador Jean (PT) e Delegado Leocádio (PSL), com gastos que somam R$1.096.071,94 e R$ 729.963,13, respectivamente.

A candidata com menos gastos em campanha é Rosália Fernandes (PSTU) com apenas R$ 4.028,00. O site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) também mostra o total de recursos arrecadados pelos candidatos durante a campanha. Álvaro Dias também lidera essa estatística.

O DivulgaCand aponta que o candidato à reeleição recebeu R$ 976.000 em recursos, em que apenas R$ 20 mil reais (2,05%) foram recursos próprios – o restante foram R$ 800 mil de doação dos partidos (81,97%) e R$ 156 mil (15,98%) doados por pessoas físicas.

O candidato Senador Jean ocupa o segundo lugar da lista, com R$ 866.469,52 em recursos recebidos, sendo 99.88% de doação de partidos. Em terceiro lugar, Leocádio soma R$ 454 mil, que representa 99.12% do valor doado por partidos.

A candidata Rosália Fernandes (PSTU) foi quem menos obteve lucros arrecadados durante a campanha, somando R$ 12.720,00 – sendo R$ 11.900 de doação de partidos e R$ 820 de doação de pessoas físicas.

Agora RN