“Se o MP olhasse para dirigente de futebol como olha para político tinha muita gente na cadeia”

Deputado José Adécio

Deputado José Adécio

As provocações ao presidente do ABC Rubens Guilherme não param. O conselheiro do clube, deputado estadual José Adécio (DEM) afirmou que está “lutando” por uma intervenção no time potiguar. Seu objetivo claro é dizer ao presidente que está na hora de ele reconhecer que não tem mais condições de comandar o ABC.

“Quero dizer o seguinte que se o Ministério Público olhasse para dirigente de futebol como olha para político tinha muita gente na cadeia. Em futebol tem dinheiro municipal, tem dinheiro estadual, tem dinheiro da União, com os recursos da Caixa Econômica”, declara José Adécio em entrevista ao Jornal da Cidade (94FM) nesta quinta-feira.

Segundo ele, já há no Congresso Nacional um forte movimento para cobrar dos dirigentes de futebol explicações quanto aos recursos públicos aplicados nos clubes.

“É uma coisa fechada, ninguém quer deixar, ninguém dá acesso e ainda vai para o rádio dizer isso ou aquilo, enganando a boa-fé do torcedor. O ABC tem conselheiros da melhor qualidade, o que pensamos é o ABC livre, democrático, pensamos no ABC que todos têm o acesso”, completa.