Guarda Municipal salva criança do ataque de dois pitbulls na zona Norte de Natal

Uma guarnição da Ronda Ostensiva da Guarda Municipal do Natal (Romu/GMN) evitou que dois cachorros da raça pitbull atacassem uma criança numa Rua adjacente a Avenida das Fronteiras, no bairro Soledade, zona Norte da capital.

Os guardas municipais tiveram de agir com rapidez e destreza para conter os animais que estavam soltos na rua sem qualquer responsável por perto. O cão mais agressivo (macho) foi contido com disparos de arma de fogo, enquanto a fêmea foi acalmada com a destreza de um dos guardas que tem habilidade com cães.

De acordo com relato dos guardas, uma equipe realizava patrulhamento na zona Norte quando se deparou com a situação. Várias pessoas gritando na rua sob ameaça dos dois cães. Os guardas protegeram a criança e os cães se dirigiram para cima de um cidadão que estava com um cão vira- lata.

O ataque dos pitbulls foi duplo pegando o vira-lata pelo pescoço, sacudindo e ameaçando a vida do senhor. “Nessa hora tivermos que agir com firmeza para proteger a vida das pessoas e atiramos duas vezes contra o pitbull mais feroz.

Dessa forma conseguimos conter a brutalidade do animal e proteger várias pessoas que estavam na rua naquele momento”, contou um dos guardas.

Os guardas informaram que quando o cão mais agressivo foi contido, a fêmea se tranquilizou e foi possível que um dos agentes com habilidade com cães fizesse a aproximação com o animal, acalmando o pitbull. “Após efetuados os dois disparos, a fêmea dos pitbulls se afastou e consegui mais à frente dominá-la com cuidado”, contou.

A ação da guarnição da Romu/GMN foi elogiada pelas pessoas que presenciaram o fato. Uma viatura da Polícia Militar chegou logo em seguida e o comandante disse que solicitaria uma referência elogiosa ao guarda municipal que atuou diretamente contendo a agressividade dos cães.

Agora RN