Dia histórico em terras lajenses: Felipe vence o candidato de Benes Leocadio em Lajes do Cabugi/RN

O jovem Felipe Meneses, interrompeu uma série de mandatos de quase 40 anos de um mesmo sistema. Sendo o próprio, cria desse mesmo sistema, mas rompido há um mandato e meio.

E o que fez Felipe ser campeão nas urnas? A inabilidade política do atual prefeito Marcão? O desgaste de seu líder maior? Creio que mais que isso, já que esse mesmo povo deu exímia votação a esse líder, na votação para Deputado Federal. Uma série de fatores tornaram impossível, a balança pender para o lado da situação, mesmo tendo como contrapeso, Benes Leocádio.

Creio que o sistema caducou por insistir em vícios que foram cansando o povo: alguns secretários que pareciam apenas ocupar os cargos (faltou uma reforma interna); obras com dois mandatos de atraso (o Estádio por exemplo) ; outras concluídas, mas que se tornaram “elefantes brancos” (UPA, Centro de Artesanato e o Frigorífico mais uma vez fechado); outras tantas obras e promessas que nunca saíram do palanque, nem foram para o papel; reformas com perca de direitos dos Funcionários Públicos…

Mas talvez, o que tenha catapultado mesmo o jovem, tenha sido sua atuação em uma Câmara considerada frágil, na qual o habilidoso Felipe dava uma aula de legislar. Faltando do lado do sistema, vereadores com experiência política para contornar cada sessão.

Essa é a análise de conjuntura que faço (Cícero Batista Eleutério da Silva / Historiador).

Focoelho