Brasil supera 100 mil mortes por covid-19 e casos avançam no interior

O Brasil ultrapassou a marca de 100 mil mortes causadas pela covid-19, neste sábado, 8, segundo levantamento dos veículos de imprensa junto às secretarias estaduais de Saúde.

O balanço, atualizado às 13h30 horas, mostra que o país tem um total de 100.240 óbitos e 2.988.796 casos confirmados da doença. Os dados são compilados pelo consórcio que reúne UOL, Folha de S.Paulo, O Estado de S. Paulo, O Globo, G1 e Extra.

Desde o começo junho, a média móvel, que contabiliza as mortes nos últimos sete dias, é superior a mil confirmações diárias.

Nestes dois meses, o Brasil foi o que mais teve registros em 24 horas que qualquer outro país no mundo. Nas raras ocasiões em que não esteve em primeiro lugar, só ficou atrás dos Estados Unidos – que tem um total de 160 mil vítimas – por uma diferença de 100 óbitos.

“A epidemia ainda avança na maior parte do Brasil. Há locais em que o número de casos e óbitos caiu nos últimos meses, mas há muitas regiões em que houve aumento, como no Sul e Centro-Oeste. E ainda há estados populosos em que o número de casos e óbitos têm se mantido constante e em números elevados, como São Paulo e Bahia. No balanço nacional, isso leva a este número elevado de mortes”, explicam os membros e pesquisadores do Observatório Covid-19 BR, Vitor Mori, Camila Estevam, Roberto Kraenkel, Paulo Inácio Prado.

Com informações da revista Exame