Remédio contra asma e rinite mostra eficácia contra Covid-19

Budesonida, um remédio conhecido por ser utilizado por pacientes com asma, rinite e outras doenças pulmonares crônicas pode ter algum efeito benéfico no tratamento contra a Covid-19, segundo um estudo divulgado na segunda-feira (12).

A pesquisa foi conduzida pelo PRINCIPLE, um fundo para estudos na Universidade de Oxford concedida pelo governo britânico e o Departamento de Saúde do país, e ainda não foi revisada por pares. O estudo analisou, por 28 dias, o uso do medicamento em 4.663 pacientes que receberam tratamento usual e Budesonida e que participaram da análise entre novembro de 2020 e março de 2021. Desse total, 56,1% testaram positivo para covid-19, 751 deles foram tratados com Budesonida enquanto que 1028 receberam o tratamento usual.

Os cientistas identificaram que o grupo sob tratamento com Budesonida teve um tempo mais curto até a recuperação (mediana de 3 dias) e um percentual de mortes ligeiramente menor. Do grupo com Budesonida, a taxa de morte/hospitalização foi de 8,5% ante 10,3% das pessoas sob o tratamento convencional. De acordo com os pesquisadores, uma análise mais detalhada sobre tempo de recuperação será publicada assim que os dados forem analisados.

A Budesonida é uma droga corticosteroide usada via inalação. Estudos laboratoriais feitos no início da pandemia apontaram que o medicamento foi eficaz em impedir a reprodução do Sars-CoV-2 em testes feitos em placas de Petri — o que não necessariamente reflete eficácia no uso do medicamento como tratamento da doença.

Caso se prove eficiente em mais testes, a Budesonida pode ser uma boa opção no tratamento contra a covid-19, já que é barata e relativamente fácil de encontrar.