Aluna camarense de doutorado na UFPR desenvolve pesquisa que aborda impactos da presença de antibióticos utilizados por humanos nos ambientes naturais

A camarense Lucicleide Angelo, aluna de doutorado, orientada pela Professora Helena C. da Silva de Assis. Desenvolve o doutorado na linha de pesquisa em ecotoxicologia no Laboratório de Toxicologia Ambiental (LTA). Sua pesquisa aborda impactos da presença de antibióticos utilizados por humanos nos ambientes naturais.

Um dos objetivos da pesquisa de Lucicleide é avaliar o efeito da exposição de peixes a concentrações ambientais de ciprofloxacina, um antibiótico muito utilizado na medicina humana e que está presente em baixas concentrações em ambientes aquáticos. Outro objetivo, não menos importante, é avaliar o efeito destas concentrações ambientais de ciprofloxacina em bactérias, de modo específico no fenômeno de resistência bacteriana ao antibiótico.

As concentrações de ciprofloxacina adotadas na pesquisa de Lucicleide simulam concentrações encontradas em água potável, águas residuais e efluentes industriais. Assim, ela busca compreender se estas concentrações causam efeitos negativos na saúde de peixes e que impacto traria no âmbito populacional. E, além disso, se estas concentrações são capazes de induzir resistência de bactérias a ciprofloxacina, quanto tempo seria necessário para que isso acontecesse e quais os potenciais riscos para saúde pública. A pesquisa de Lucicleide contempla a saúde única (One Health), ou seja, aborda de maneira integrada a saúde animal, humana e ambiental.

Para saber mais: o laboratório em que a Lucicleide trabalha tem uma página aqui no insta (@toxico.ambiental_ufpr), além de um canal no Youtube (link no card da bio).