TRT-RN arrecadou mais de 122 milhões durante a Semana Nacional da Conciliação Trabalhista

Foto: TRT RN Divulgação

A Semana Nacional da Conciliação Trabalhista chegou ao seu último dia, nesta sexta-feira (24), em todo o Brasil e no Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região os resultados parciais são positivos.

Após dias de mobilização de magistrados, magistradas, servidores e servidoras na capital e interior do Rio Grande do Norte, dados consolidados mostram que o TRT-RN conciliou mais de 113 milhões durante as audiências, que geraram uma arrecadação de 6,7 milhões para a Previdência Social e quase 3 milhões de Imposto de Renda. Juntos, os números do tribunal potiguar chegam a R$ 122.592.931,18 de arrecadação total. 

Com o resultado, o TRT-RN ocupa o 4º lugar entre todos os 23 TRTs do país e fica em 1º lugar entre os de pequeno porte, no que se refere aos valores conciliados e arrecadação total.

“Estamos muito felizes com os números alcançados pela Justiça do Trabalho do Rio Grande do Norte durante esta Semana, que foi muito produtiva. Os números são animadores e ainda serão atualizados. As equipes do TRT-RN na capital e interior estão de parabéns”, disse o presidente do Tribunal, desembargador Eridson João Fernandes Medeiros.

O presidente do TRT-RN também acompanhou os trabalhadores e trabalhadoras da Coopedu (Cooperativa de Trabalho dos Profissionais de Educação do RN) que vieram da cidade de Ipanguaçu para Natal e realizaram acordos com a Prefeitura. Além da cooperativa, foram feitas conciliações com a Petrobras, Carrefour e Caixa Econômica Federal. 

Mobilização

De segunda (20) até a manhã de sexta-feira (24), foram atendidas 9.055 pessoas na capital e interior do Rio Grande do Norte, 1.108 audiências foram realizadas, houve uma atuação de 134 magistrados e magistradas, e 412 acordos foram homologados.

“As conciliações resultam do empenho da advocacia, dos empresários, das partes, de todas as pessoas que participaram da Semana Nacional da Conciliação e estiveram empenhadas na solução das suas demandas. O importante é saber que os valores conciliados vão aquecer a economia das cidades, do Rio Grande do Norte, e ajudar a vida das pessoas. Esse é o papel da Justiça do Trabalho”, avaliou o vice-presidente do TRT-RN e coordenador do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos (NUPEMEC), Eduardo Serrano da Rocha.

Os dados finais da Semana Nacional da Conciliação Trabalhista serão consolidados pelo Conselho Superior do Trabalho (CSJT) na próxima semana.

Fonte: Coordenadoria de Comunicação Social – TRT 21ª Região

Copy link