Avião retorna a Natal após piloto declarar emergência

Foto: Heilysmar Lima

Um avião da Azul Linhas Aéreas que saiu de Natal com destino a Belo Horizonte, no voo AD-4001, durante a madrugada desta segunda-feira (22), precisou voltar à capital potiguar poucos minutos após a decolagem.

Um possível problema de despressurização da cabine quando a aeronave estava voando sobre Pernambuco, a cerca de 11 mil metros de altitude, obrigou o retorno.

O A320-251N, de matrícula PR-YYH, decolou do Aeroporto Internacional Aluízio Alves às 02h35. Quando sobrevoava a cidade de Pesqueira, às 03h04, o piloto declarou emergência.

O aeroin.net, site especializado em aviação, divulgou o áudio do momento. “Mayday, Mayday, Mayday, Azul quatro zero zero uno, descida rápida para o nível uno zero zero”, informou via comunicação.

A mensagem significa que o piloto estava solicitando autorização para descer para 10 mil pés, cerca de 3 mil metros de altitude. No momento da emergência, a aeronave voava a cerca de 36 mil pés (cerca 11 mil metros). Após descer, foi iniciado o retorno a Natal e o pouso aconteceu às 03h45.

Em nota enviada ao PORTAL DA TROPICAL, a Azul Linhas Aéreas não confirmou qual foi o problema identificado durante a operação, mas garantiu que os passageiros desembarcaram normalmente, se limitando a informar que “por questões técnicas identificadas após a decolagem, o voo AD4001 (Natal-Confins) precisou voltar ao aeroporto de origem”. 

“A companhia ressalta que os Clientes estão recebendo toda assistência necessária, conforme prevê a resolução 400 da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) e serão reacomodados em outros voos”, acrescentou.

Na nota, a Azul também lamentou “eventuais transtornos causados e reforça que ações como essa são necessárias para garantir a segurança de suas operações”.

Portal da Tropical