Servidores do Detran acatam decisão da Justiça e encerram greve após 20 dias de paralisação

Os servidores do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-RN) decidiram encerrar a greve que havia sido iniciada em 5 de julho. A decisão de parar o movimento foi tomada em assembleia nesta terça-feira (25), atendendo a uma determinação da Justiça.

“Recuar não é desonra. A melhor decisão é a que mantém a categoria inteira para continuar em frente e na luta”, afirma o coordenador de Comunicação do Sindicato dos Servidores Públicos da Administração Indireta do Rio Grande do Norte (Sinai-RN), Alexandre Guedes, que é servidor do Detran-RN.

O sindicalista avisa que a categoria deliberou por manter as cobranças contra o Governo do Estado, apesar da interrupção da greve. “A categoria está decidida a manter firme o objetivo de ter o seu direito respeitado, de ter a sua dignidade respeitada. Não quer nada além do que o Governo prometeu legalmente e em acordo”, destacou.

Alexandre afirma que a sentença proferida pelo desembargador Expedito Ferreira, do Tribunal de Justiça do RN (TJRN), não tem fundamentação por se basear em informações inverídicas passadas pela gestão da governadora Fátima Bezerra (PT).
“Não é verdade que a categoria e seu Sindicato foram intransigentes. Pelo contrário. Buscamos sempre a negociação e o diálogo, que não aconteceu por causa do Governo. Até o momento não há qualquer registro de proposta ou contraproposta”.

Agora, por meio de uma ação que está sendo preparada pela assessoria jurídica, até quinta-feira (27) o Sindicato vai recorrer da decisão do magistrado do TJRN. Na peça jurídica, vai pedir uma audiência de conciliação com caráter de urgência.

“Sabemos que é uma luta justa, correta, e que o Governo usou de artifícios junto ao Judiciário. Esses artifícios não correspondem com a verdade, não correspondem com o interesse de negociação que a categoria sempre mostrou, mas que o Governo e a direção do Detran-RN sempre protelaram”, aponta o Coordenador de Comunicação do Sinai.

Por ora, a categoria aguarda o resultado da audiência entre o Executivo e o Sindicato agendada há mais de um mês. Prevista para ocorrer em 9 de agosto, deve discutir a pauta de toda a base do Sindicato. Caso aconteça, será alvo de avaliação oportuna por parte dos servidores do Detran-RN.

Portal 98 FM

Copy link