Ponte de Igapó será interditada por 12 meses, diz DNIT

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) informou nesta sexta-feira (8) que a Ponte de Igapó será interditada parcialmente por 12 meses a partir da próxima segunda-feira (11). A informação foi confirmada à Inter TV Cabugi pela assessoria de imprensa do órgão.

De acordo com o DNIT, a interdição é necessária para dar início aos serviços de reabilitação das pontes sobre o rio Potengi.

Na próxima segunda-feira (11) será interditada parcialmente interditado o lado direito da ponte, no sentido Zona Norte/Centro, localizada no km 85,4 da BR-101/RN.

“O DNIT ressalta que o trecho estará sinalizado com placas, cones e outros dispositivos de sinalização, alertando para a interdição”.

Interdições

A Ponte de Igapó vem passando por várias interdições desde o início das obras de requalificação da avenida Felizardo Moura em setembro de 2022.

Em março deste ano, uma bomba explodiu na Ponte de Igapó durante uma série de ataques criminosos que aconteciam em várias cidades do RN. Na época, o CREA chegou a recomendar a interdição da via para o tráfego de veículos, mas o DNIT disse que não havia risco.

Na ocsaião, a ponte já estava interditada por causa das obras da Avenida Felizardo Moura. Em junho deste ano o Dnit informou, por meio de um ofício, que a ponte de Igapó teria os dois lados liberados para o trânsito assim que a prefeitura concluísse obra da Avenida Felizardo Moura.

No entanto, nesta sexta o DNIT divulgou a interdição da ponte a partir da próxima segunda-feira (11).

g1 RN

Copy link