PF fecha aeroporto e prende homem após ameaça de bomba em voo do Paraná ao Chile

Policiais federais foram acionados, na noite deste domingo (11), para verificar uma ameaça de bomba dentro de um avião no Aeroporto Internacional das Cataratas, em Foz do Iguaçu, no Paraná.

Por volta de 21h, durante o embarque em um voo comercial, que tinha como destino a cidade de Santiago, no Chile, um dos passageiros informou para uma das comissárias que estava com uma bomba na mochila.

Imediatamente, equipes da Polícia Federal (PF) foram acionadas para iniciar os protocolos de segurança e de gerenciamento de crise. O aeroporto foi fechado para pouso e decolagem, e o avião foi esvaziado e direcionado para um local afastado e seguro — ponto remoto — aguardando avaliação da equipe técnica antibombas.Segundo a PF, após entrevista preliminar ainda no avião, foi constatado que o passageiro trabalha no ramo da hotelaria e estaria viajando a serviço. Ele foi preso imediatamente, retirado da aeronave e levado para o posto da PF.

Após inspeção da aeronave, nenhuma ameaça à segurança foi encontrada pelos policiais. O aeroporto foi reaberto para pousos e decolagens, e os passageiros liberados para embarcar.O homem foi preso em flagrante pelo crime de expor a perigo a aviação. Se condenado, poderá pegar até cinco anos de prisão.

CNN Brasil