Ex-funcionária de Prefeitura do RN acusada de latrocínio é presa em clínica de reabilitação

Policiais civis da 42ª Delegacia de Polícia Civil (DP de Areia Branca), em trabalho integrado com a Polícia Militar de Pernambuco (PMPE), participaram, nesta segunda-feira (06), de uma operação que resultou na prisão de uma mulher suspeita por latrocínio e foragida da justiça. O mandado de prisão temporária em seu desfavor foi cumprido no município pernambucano de Itambé.

De acordo com as investigações, a mulher teria cometido o crime contra Antônio Lisboa de Lima, mais conhecido como “Pula Pula”. Ele teria desaparecido após ser visto em um bar localizado na Praia de Upanema, em Areia Branca. Quatro dias depois, em 25 de outubro, o seu corpo foi encontrado por policiais civis em uma cova no município de Serra do Mel, com sinais de espancamento e de disparos de arma de fogo em sua cabeça.

Segundo os policiais militares, a mulher se passava por paciente em uma clínica voltada para recuperação de usuários e dependentes de drogas, localizada em Itambé. Ela foi encaminhada para o sistema prisional, onde permanecerá à disposição da Justiça. 

Portal 96 FM