Blogueiro é condenado a pagar indenização ao prefeito do interior do RN por acusações infundadas e criminosas

O Juizado Especial Cível, Criminal e da Fazenda Pública da Comarca de Caraúbas condenou o blogueiro João Marcolino a pagar indenização de R$ 5 mil por publicações de “fake news” contra o prefeito Juninho Alves (PSDB).

Em uma das postagens criminosas o blogueiro tentou desconstruir a imagem do gestor imputando-o envolvimento com crimes pesados.

O jornalismo com tom agressivo, pesado e manipulador deu lugar à credibilidade e à verdade, e mais conteúdos de ataques ao chefe do executivo de Caraúbas foram redigidas, e desta feita, ainda sem o menor embasamento jurídico e baseado no “achismo”, João Marcolino tentou marcar gol questionando as contas públicas sob administração do prefeito Juninho, e mais uma vez não conseguiu provar o que disse. Com informações do blog de Jair Sampaio