Ajudante de Papai Noel tem trenó apreendido e se recusa a fazer bafômetro em Salvador

Foto: reprodução redes sociais

Um veículo caracterizado como trenó de Papai Noel, cheio de presentes, foi apreendido na noite de domingo (24), em Salvador. Segundo a Superintendência de Trânsito do Salvador (Transalvador), a apreensão aconteceu durante uma blitz em que os agentes verificaram que placa de identificação do veículo não estava visível.

De acordo com a Transalvador, o caso aconteceu na Avenida Reitor Miguel Calmon, na região do Vale do Canela. O ajudante de Papai Noel, que não teve a identidade revelada, se recusou a fazer o teste no etilômetro, equipamento conhecido como “bafômetro”.

Os agentes de trânsito decidiram remover o veículo para o pátio da Transalvador e a liberação deve ocorrer depois que a situação da placa de identificação for regularizada.

A Transalvador explicou que o Papai Noel não foi preso ao se negar a fazer o teste do bafômetro, porque a recusa em si não constitui crime.

Mas, de acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), quem se recusa a fazer o teste ou outro procedimento de comprovação do consumo de bebida alcoólica ao volante comete uma infração gravíssima, que resulta em multa de R$ 2.934,70 e suspensão do direito de dirigir por 12 meses.

Além disso, a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) do motorista é recolhida e o carro, retido —se não houver outro motorista habilitado para dirigir.

Apesar da infração do homem que conduzia o trenó, ainda não há detalhes sobre multa e demais consequências da apreensão do veículo. O g1 questionou a Transalvador e aguarda resposta.

Do g1 BA