Rodoviários aprovam greve por tempo indeterminado

O Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários do Rio Grande do Norte (Sintro) aprovou por unanimidade nesta terça-feira (11) indicativo de greve nos dois turnos, em assembleia geral, após fracasso nas negociações recentes com as empresas de ônibus.

Segundo o Sintro, o edital de greve será publicado em breve nos veículos de comunicação. O prazo para início da paralisação, de acordo com a lei federal 7.783, é de 72 horas, após publicação do indicativo. “Nós notificaremos ao SETURN, STTU e a Prefeitura do Natal a decisão dos trabalhadores, e também comunicaremos nos próximos dias a população através de edital em jornal de grande circulação seguindo a lei de greve”, disse o Sindicato em nota.

Ainda de acordo com a nota, a categoria informou que a decisão foi tomada devido os motoristas se encontrarem há dois anos sem reajuste salarial. Os sindicalistas também reivindicam a volta do pagamento do vale-alimentação de forma integral.“A greve se prende ao fato da categoria há dois anos sem reajuste salarial, volta do pagamento integral do vale-alimentação e de outros direitos que foram retirados da convenção coletiva”, justificou Arnaldo Dias, diretor do Sintro.

Além disso, os sindicalistas alegam que mesmo com a isenção desde de 2020 no ISS e ICMS, e conseguindo por mais um ano a isenção no ICMS no diesel, valor que equivalente a 1 milhão mensal, segundo dados do governo, os empresários não querem acordo.

Fonte: Novo Notícias