Homofobia: Onyx Lorenzoni diz que Rio Grande do Sul vai ter ” uma primeira-dama de verdade”

O ex-ministro Onyx Lorenzoni, candidato bolsonarista ao governo do Rio Grande do Sul, fez uma declaração de conotação homofóbica para atacar o seu adversário, o tucano Eduardo Leite, na propaganda eleitoral veiculada nesta quinta-feira , 13, na cadeia de rádio local.

“Os gaúchos e as gaúchas entenderam que vão ter, se for da vontade de Deus e do povo gaúcho, um governador e uma primeira-dama de verdade, que são pessoas comuns e que têm uma missão de servir e transformar a vida dos gáuchos para melhor”, afirmou Lorenzoni.

A expressão “primeira-dama de verdade” é uma referência ao fato de Leite ter se assumido homossexual em entrevista ao jornalista Pedro Bial, em julho do ano passado.

O governador gaúcho namora o médico Thalis Bolzan.

Lorenzoni venceu a disputa no primeiro turno, com 37,5% dos votos. Leite foi escolhido por 26,81% dos eleitores, o que representou uma diferença de apenas 2,4 mil votos para o terceiro colocado, o petista Edegar Pretto.

Fonte: Metrópoles 

Copy link