Violência: Mulher é morta a tiros por ex-companheiro na frente dos filhos no interior do RN

Um homem matou a ex-mulher a tiros e tentou se matar em seguida, na cidade de Parelhas, no interior do estado. O crime aconteceu na noite desta segunda-feira (8). De acordo com familiares da vítima, o homem não aceitava o fim do relacionamento. Segundo a Polícia Militar, os dois filhos da vítima estavam em casa e presenciaram o crime.

Maria Procicleide de Macena e Silva, de 42 anos, era conhecida como “Kika” e estava separada do marido há cerca de um ano, segundo familiares. Por volta das 22h50 policiais militares faziam patrulhamento de rotina no bairro Dinarte Mariz e escutaram os tiros. A PM informou que um dos filhos dela ao ver o carro da polícia pediu ajuda informando que o padrasto havia atirado na mãe.

De acordo com a PM, o ex-marido foi até a residência onde eles moravam e fez cerca de 4 disparos usando um revólver calibre 38. Após atirar na ex-mulher, o homem tentou se matar com um tiro no pescoço.

O Samu foi acionado, mas Maria já estava morta. O homem foi socorrido para o hospital da cidade e em seguida transferido para o hospital Walfredo Gurgel, em Natal.

Maria tinha dois filhos, um deles de outro relacionamento. Ambos estavam em casa no momento do crime.

De acordo com a Polícia Militar, familiares da vítima contaram que o homem não aceitava o fim do relacionamento e que eles já tinham orientado Maria a procurar a delegacia para denunciá-lo.