Servidores da saúde do RN aprovam paralisação de 24h no dia 19 de outubro

Os servidores da saúde do Rio Grande do Norte aprovaram por unanimidade no fim da manhã desta terça-feira (28), em assembleia da categoria, o dia 19 de outubro como um dia de luta e paralisação de 24h nos serviços de saúde e em defesa dos trabalhadores. Neste dia de mobilização a categoria também vai decidir se aprovam ou não a Greve na saúde do RN.  

Dentre os principais motivos para o chamado estão: a questão do ponto eletrônico que o governo quer implantar em até 30 dias e que não abarca todas as categorias de forma isonômica, o atraso na apresentação do impacto financeiro das tabelas do PCCR e o fim da insalubridade e produtividade Covid, além da questão das denúncias feitas pelo Sindsaúde/RN quanto a produtividade.  

Um dos principais temas debatidos na ocasião foi o Plano de Cargos da categoria que está em fase de discussão entre os sindicatos, Sesap e o Governo do RN. Foi informado aos trabalhadores sobre a conquista após pressão do Sindsaúde/RN na realização de uma Reunião Extraordinária da Mesa SUS, para tratar somente o PCCR, marcada para o dia 18 de outubro.