São Paulo: secretaria descarta 53 mil doses de vacinas vencidas da Covid

A Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo informou nesse sábado (11) que chegou a 53 mil doses o total de vacinas da Pfizer contra Covid-19 retiradas dos postos de saúde da capital paulista na semana passada, o motivo é estarem com prazo de descongelamento vencido.

O G1 informou, na quinta (9), que a secretaria havia dito 8.920 doses tiradas de circulação, mas informação foi corrigida para frascos, que contém seis doses cada um. Imunizantes deveriam ter sido aplicados como 2ª dose, mas população não compareceu aos postos.

Os imunizantes atingiram o prazo máximo de descongelamento e, por hora, não poderão mais ser aplicadas nesse grupo faltoso. Na quinta (9), o secretário Edson Aparecido havia dito que se tratavam de 8.920 doses, mas a informação foi corrigida pelo gabinete dele.