Operação conjunta do MPRN e Polícia Civil combate comércio ilegal de armas de fogo e munições no Oeste potiguar

Operação Rastilho foi deflagrada nesta terça (5), com o apoio da PM. Ao todo, 11 pessoas foram presas nas cidades de Mossoró, Caraúbas e Paraú

Uma operação conjunta do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) e da Polícia Civil, com o apoio da Polícia Militar, resultou na prisão de 11 pessoas nesta terça-feira (5). A operação Rastilho foi deflagrada nas cidades de Mossoró, Caraúbas e Paraú e teve por objetivo combater o comércio ilegal de armas de fogo e munições na região Oeste potiguar. 

Ao todo, foram cumpridos sete mandados de prisão preventiva e 12, de busca e apreensão. Além desses mandados, outras quatro pessoas foram presas em flagrante na ação. Um outro mandado de medida restritiva de direitos também foi cumprido. 

Foram apreendidos armas de fogo, munições e aparelhos de telefonia celular, que estavam em poder dos suspeitos presos. 

Os presos já foram levados para delegacias da região, onde serão autuados antes de serem encaminhados para o sistema prisional potiguar, permanecendo à disposição da justiça criminal. Com informações do MPRN.