Governador do Ceará, Camilo Santana, anuncia prisão do DJ Ivis em decorrência das agressões

O governador Camilo Santana anunciou na tarde desta quarta-feira (14) pelas redes sociais a prisão do DJ Ivis, em decorrência das agressões cometidas contra a ex-esposa, Pamella Holanda.

“Acabo de ser informado pelo nosso secretário de Segurança da prisão do DJ Ivis, no caso das agressões a Pamella Holanda. A prisão preventiva havia sido solicitada ontem pela nossa Polícia Civil e decretada há pouco pela Justiça. Que responda pelo crime cometido”, disse Camilo.

O Diário do Nordeste solicitou à Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) mais informações sobre a prisão e aguarda posicionamento. A reportagem também tenta contato com os advogados do DJ e de Pamella Holanda.

Até esta quarta-feira (14), a Polícia Civil já tinha ouvido nove pessoas na investigação . Os depoimentos foram colhidos desde o início da apuração do caso, quando foi realizado um Boletim de Ocorrência, em 2 de julho, na Delegacia Metropolitana do Eusébio (Grande Fortaleza).

Ainda nesta quarta-feira, a empregada doméstica da casa de DJ Ivis e Pamella Holanda prestou depoimento. Durante cerca de três horas, ela relatou o que sabia da rotina do casal. À Polícia, segundo apuração do Sistema Verdes Mares, ela disse que havia muitos conflitos e discussões motivadas por ciúmes, mas que nunca presenciou agressões físicas.

Ela informou, também, que não estava no local no dia em que houve o espancamento divulgado em vídeos.

Diário do Nordeste