Golpe de empréstimo falso rouba R$ 30 mi e atinge milhares de brasileiros

Moedas, dinheiro, Real. Brasilia, 03-09-18. Foto: Sérgio Lima/Poder360

A Operação Saque Rápido prendeu 41 suspeitos de integrar uma quadrilha de estelionatários que aplica golpe de empréstimo falso. Segundo investigações, a organização criminosa conta com milhares de pessoas. O grupo teria roubado cerca de R$ 30 milhões em pouco mais de 1 ano e feito vítimas em todo o Brasil. As prisões foram realizadas em 7 de julho, no Paraná e em São Paulo.

Como é uma organização criminosa que tem milhares de pessoas, a gente identificou 50 dos principais. Porque, se fosse [para prender todos os envolvidos], a gente teria que prender 10.000 pessoas numa operação”, contou o delegado da Polícia Civil do Paraná, Guilherme Dias, ao Fantástico.

A quadrilha usava o nome de instituições como Receita Federal, Febraban (Federação Brasileira dos Bancos) e BC (Banco Central) nas suas operações. Até o escritor português José Saramago era citado na negociação.

Poder 360