Estrutura montada para receber Bolsonaro desaba em aeroporto de Maringá

Uma estrutura montada no Aeroporto Regional Silvio Name Junior, em Maringá (PR), para receber o presidente Jair Bolsonaro desabou horas antes do evento marcado com o chefe do Executivo nesta sexta-feira (1). Ventos com mais de 51 quilômetros por hora derrubaram as tendas apoiadas em barras de ferro por volta das 10h. Bolsonaro é esperado no local às 15h30 para inaugurar as obras de ampliação no aeroporto.

A previsão do tempo da cidade paranaense previa um dia de sol com algumas nuvens e ventos a, no máximo, 27 quilômetros por hora. No entanto, a equipe da Prefeitura de Maringá foram surpreendidos com uma mudança climática que fechou o céu e aumentou as rajadas de vento. A equipe do cerimonial já estava no local no momento do desabamento, mas ninguém ficou ferido.

De acordo com a Prefeitura, a estrutura já passa por reparos para oferecer uma condição mínima para o evento ocorrer. No entanto, a preocupação agora é saber se o chefe do Executivo irá comparecer. A gestão do prefeito Ulisses Maia ainda não recebeu a confirmação do presidente e ouviu que Bolsonaro afirmou, em uma reunião em Brasília, que talvez não participaria mais da inauguração.

As obras no aeroporto são resultado direto de investimentos do governo Bolsonaro, que repassou, por meio do Ministério da Infraestrutura, R$ 81,5 milhões para a ampliação. Com as reformas, a cidade passa a ter a segunda maior pista do estado e começará a receber cargas internacionais.

Diário de Pernambuco