Cajueiro de Pirangi completa 133 anos na próxima segunda-feira (20)

Um dos principais cartões-postais do Rio Grande do Norte, o Cajueiro de Pirangi, faz aniversário na próxima segunda-feira (20). Para completar seus 133 anos, a gestão do local preparou uma programação alusiva à data, que contará com apresentações culturais, exposição de artesanato e shows musicais. No dia do aniversário do Cajueiro a entrada é gratuita.

Iniciando as comemorações, já no domingo (19), será realizada uma missa em Ação de Graças, às 9h, na Capela São Sebastião, localizada próximo ao Cajueiro. No dia 20, a partir das 8h30, os visitantes já podem apreciar a música da Banda Som Caju, formada por colaboradores do Cajueiro; e uma exposição do artesanato local, como renda de bilro, bolsas de junco e juta, além de peças em cerâmica.

Para o diretor-geral do Idema, Leon Aguiar, esse é um momento especial em que devemos nos lembrar da importância que o Cajueiro de Pirangi tem para o povo potiguar. “Celebrar os 133 anos do Maior Cajueiro do Mundo é algo bastante simbólico para nós. Um local que tem toda sua importância biológica, e que atrai visitantes do mundo inteiro pela sua imponência. Devemos nos orgulhar em ter esse verdadeiro presente em nosso solo, e, principalmente, saber preservá-lo para que outras gerações possam ter a chance de conhecê-lo também”, comentou o diretor.

A árvore faz parte da vida da comunidade e do roteiro turístico dos visitantes do RN, tanto é que por ano, o Cajueiro recebe mais de 300 mil visitantes. Administrado pelo Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente do Rio Grande do Norte (Idema), ele possui um quadro funcional que ajuda a manter o Cajueiro. Em sua maioria, os colaboradores moram no entorno – Pirangi, Pium, Búzios e Cotovelo. Em virtude da sua extensão, a árvore gigante entrou para o Guinness Book “O Livro dos Recordes”, em 1994, como o Maior Cajueiro do Mundo.