Ministério Público e Polícia adotam medidas para acabar com abuso de som em São Miguel do Gostoso

somO abuso de som alto em São Miguel do Gostoso está com os dias contados. Por determinação do Ministério Público, a Polícia Militar de São Miguel do Gostoso fez um mapeamento de todos os focos geradores de poluição sonora, que é tipificada como crime de perturbação do sossego alheio.

O tenente responsável pela PM de São Miguel do Gostoso, Marcos Inácio, identificou três focos de poluição sonora na cidade: bares e casas noturnas, motos que adulteram canos de escape e paredões de som e carros de propaganda.

O mapeamento da poluição sonora na cidade foi entregue na última quarta-feira (8/6)ao Ministério Público da Comarca de Touros, que responde também por São Miguel do Gostoso. A solicitação foi feita ao tenente Inácio pelo promotor Marcos Adair Nunes. Pedido idêntico foi encaminhado à Prefeitura local.

A partir de agora, o Ministério Público vai regular a situação do abuso de som em São Miguel do Gostoso e em outros municípios subordinados à Comarca de Touros. Vários bares e casas noturnas da cidade foram incluídos no mapeamento, entre elas a Arena Gostoso, o Panela de Barro, o Bar da Carla, entre outros. (Emanuel Neri)