Kelps sugere mudanças no sistema carcerário do Estado

Deputado Kelps Lima

Deputado Kelps Lima

Em pronunciamento durante a sessão plenária desta terça-feira (3), na Assembleia Legislativa, o deputado Kelps Lima (SDD) questionou o sistema carcerário do Rio Grande do Norte e sugeriu medidas para o controle da criminalidade dentro e fora dos presídios estaduais.

“Como não houve nenhuma medida paralela à contenção feita pelo Governo do Estado no mês de março, quando da rebelião instaurada nos presídios estaduais, as mortes dentro dos presídios estaduais vêm se avolumando. Já são 23 mortos”, disse Kelps.

O parlamentar defendeu a presença da polícia dentro do sistema carcerário e o monitoramento dos presos. “É óbvio que o presídio hoje não é um lugar de recuperação de aprisionados. É um local de armazenamento de bandidos que, mesmo confinados, conduzem crimes cotidianamente. Isso é um caso de polícia e por isso ela deve estar inserida dentro dos presídios”, justificou.

O deputado também sugeriu a fusão entre a Secretaria Estadual de Justiça e Cidadania e a Secretaria Estadual de Segurança Pública. Para ele existe desconexão entre os órgãos. “O agente penitenciário obedece ao secretário de justiça e cidadania, enquanto o policial militar, que garante a segurança do presídio e faz a escolta do preso, recebe ordens do comandante da polícia e da secretária de segurança”, comentou.

Durante o pronunciamento, Kelps Lima lamentou a morte do policial militar Marcos Antônio da Silva, ocorrido na última sexta-feira (30) em Natal e enalteceu o ato público que será promovido na tarde desta terça-feira, às 15 horas, por agentes de segurança do RN.