EDP Renováveis Rural beneficia pequenos agricultores de Parazinho em Jandaíra no RN

Pequenos agricultores de Parazinho e Jandaíra, no Rio Grande do Norte, estão sendo beneficiados pelo Programa EDP Renováveis Rural, que promove o empreendedorismo em comunidades agrícolas, com incentivo à geração de trabalho e renda em propriedades familiares do semiárido potiguar. O Programa teve início em janeiro de 2017 e deve se estender até julho de 2018.

Neste mês, os agricultores participam de um processo de capacitação chamado Redes Associativas, que os ensinará a trabalhar em cooperativa. Dentro do programa, eles também já aprenderam estratégias de como negociar no campo, técnicas de controles financeiros, custos da produção, entre outros temas. Os próximos passos serão o aprendizado de liderar empreendimentos coletivos e grupos organizados, além de entender como é o processo de comercialização dos produtos. Estas ações são parte do projeto Sertão Empreendedor, desenvolvido pelo SEBRAE e parte integrante do EDP Renováveis Rural.

O Programa também atende 16 beneficiários com a implantação da tecnologia social PAIS (Produção Agroecológica Integrada e Sustentável), que reúne técnicas simples de produção agroecológica e de promoção do desenvolvimento sustentável, além da continuação da capacitação profissional, fortalecimento da governança local e promoção de acesso a novos mercados por meio do projeto Sertão Empreendedor.

O EDP Renováveis Rural é realizado pela EDP Renováveis, com apoio do Instituto EDP, organização que coordena as ações socioambientais do Grupo EDP – empresa que atua nas áreas de geração, distribuição, comercialização e soluções de energia – junto às comunidades do entorno das Centrais Eólicas Baixa do Feijão e é desenvolvido em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Rio Grande do Norte (Sebrae/RN) e do Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

 

Qual sua opinião?