Conab doa cestas a comunidades em insegurança alimentar em João Câmara e mais 23 municípios do RN

Mais de cinco mil famílias em situação de insegurança alimentar no Rio Grande do Norte serão beneficiadas, até o final do ano, com 6.951 cestas de alimentos doadas pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). A ação é realizada por meio de convênio com o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), a pedido da Fundação Nacional do Índio (Funai), do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) e da Fundação Cultural Palmares (FCP).

Indígenas potiguares receberão 1.342 cestas. Outras 2.386 cestas irão para comunidades quilombolas e 3.223 cestas, para famílias acampadas que aguardam a inclusão no Programa Nacional de Reforma Agrária.

As cestas, que juntas soman 152 t de alimentos, são compostas individualmente por 10 kg de arroz beneficiado, 4 kg de feijão , 2 kg de farinha de mandioca, 2 kg de açúcar demerara, 1 kg de macarrão espaguete comum, 1 kg de flocos de milho, 1 lt de óleo de soja refinado, 1 kg de leite de vaca em pó integral, totalizando 22kg de alimentos.

Macaíba, São Pedro, Passa e Fica, Nova Cruz, Montanhas, Canguaretama, São José de Mipibu, Boa Saúde, Serra Caiada, Lagoa de Velhos, São Paulo do Potengi, Ielmo Marinho, Vera Cruz, Baías Formosa, Goianinha, Macaíba, João Câmara, Assú, Bom Jesus, Ielmo Marinho, Parelhas, Poço Branco, São Tomé e Timbau estão entre os municípios que receberão as doações. Por determinação do MDS, todas as famílias receberão duas remessas de cestas, com exceção das famílias acampadas, que receberão em apenas uma etapa.

A Conab fará a entrega para os indígenas. O Incra realizará a entrega para os acampados e os representantes das comunidades quilombolas irão retirar as cestas para suas comunidades.

Qual sua opinião?