Com bolo, trabalhadores do DETRAN “comemoram” 1 mês de greve durante piquete

Os servidores do Departamento de Trânsito do Rio Grande do Norte (Detran/RN) entraram em greve em uma segunda-feira 9,  de setembro de 2019, nesta quarta feira, de 09 de outubro, fazem exatamente 30 dias de paralisação. 


Com o movimento todos os serviços oferecidos pelo Detran foram afetados, alguns parcialmente, outros integralmente, a justiça determinou que os grevista mantivessem ao menos 50 dos servições funcionado, mas, na pratica, isso não acontece. 


Aqui na cidade de Mossoró, uma das atividades que mais prejudica os usuários, são as das vistorias, que, segundo algumas pessoas, que precisaram do serviço, estão praticamente paralelizadas, hajá vista que são distribuídos trinta fichas para um só técnico. 


Os funcionários do Departamento cobram reajuste salarial, a realização de concurso público, o pagamento das três folhas em atraso a aposentados e pensionistas e a revogação do decreto 29007. De acordo com os servidores, o decreto retira a autonomia financeira da autarquia.


O Sindicato dos Servidores Públicos da Administração Indireta do RN (Sinai), que representa a categoria, alega que houve negociações com o Governo do Estado durante a campanha salarial, no entanto as conversas não avançaram.

Nesta quinta-feira (11). está agendada uma audiência com o governo e a expectativa do Sindicato e dos profissionais é que as negociações finalmente sejam produtivas. Após esta reunião o comando que greve também irá se reunir com a categoria para definir os rumos da greve. 

Repórter Mossoró