Aprovados no concurso da SMS de Natal aguardam pela convocação há um ano

Foto: Divulgação SMS

A Prefeitura do Natal, não realizou a substituição dos contratos temporários e as vacâncias nos órgãos ligados a Secretaria Municipal de Saúde. A Gestão Municipal alegou não haver vagas para os concursados aprovados, embora exista um grande cadastro de reserva aguardando convocação.

Em negociação ocorrida em junho de 2018, da Prefeitura do Natal com as entidades que representam a categoria, foi solicitado que a Prefeitura disponibilizasse o número de vacâncias. Já se passaram 7 meses e nada foi divulgado para as entidades sindicais solicitantes de tais dados. Em outubro de 2018, o cadastro de reserva foi surpreendido com mais uma renovação dos ditos temporários por mais 6 meses (prazo que se encerra dia 8 de abril).

O Prefeito de Natal, Álvaro Dias e o Secretário de Saúde, George Antunes se comprometeram a criar uma Lei para ampliar o número de vagas na saúde, entretanto, não se viu nada relativo a essa lei ser realizado até o presente momento. Na última convocação, que ocorreu em 06 de fevereiro, foram contemplados apenas 16 profissionais, praticamente um de cada cargo, alguns cargos não foram contemplados, e torna inviável a substituição dos vínculos temporários no prazo determinado.

Blog do BG

Qual sua opinião?