Sebrae lança programa de estímulo a energia solar no RN

Em tempos de energia cara e riscos de apagões, como o que aconteceu em 21 de março último, quando o Nordeste ficou quatro horas sem fornecimento, falar em matrizes alternativas – obtida através da conversão direta da luz em eletricidade – é música para o ouvido de muita gente no Rio Grande do Norte.

O Sebrae do RN descobriu isso na prática nesta quinta-feira, 3, ao promover um café da manhã para lançar o RN Solar, programa de incentivo às cadeias produtivas da energia fotovoltaica.

“Das 40 empresas interessadas na operacionalização, imaginamos trabalhar inicialmente com 30, privilegiando profissionais oriundos do setor eólico e de petróleo, que reúnam a credenciais para o desafio”, diz Zeca Melo, superintendente do Sebrae RN.

O público existente são as mais de 100 mil empresas do Rio Grande do Norte dos mais variados segmentos.