Pacientes são atendidos na rua durante incêndio em hospital no Rio

Pacientes são transferidos às pressas CELSO PUPO/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO

Um hospital particular no Maracanã, na zona norte do Rio de Janeiro, foi atingido por um incêndio, nesta quinta-feira (12). Profissionais da unidade improvisaram leitos na rua para atender os pacientes.

De acordo com informações da Record TV,  ao menos 100 deles foram retirados do local. Os pacientes estão sendo transferidos às pressas para hospitais públicos e vinculados à mesma rede.

O incêndio teria sido provocado por um curto-circuito em um gerador no subsolo do prédio, espalhando fumaça para todos os andares, segundo a assessoria do Hospital Badim. A unidade, que possui 120 leitos e 429 funcionários, foi inaugurada há um ano.

O Corpo de Bombeiros informou que foi acionado por volta das 18h. Homens de dois quartéis – Vila Isabel e Tijuca – atuam no local. Até o momento, não há informações sobre feridos no acidente.

De acordo com a Prefeitura do Rio, a rua são Francisco Xavier com a Professor Manuel de Abreu, uma das principais vias do bairro, foi bloqueada para que o prédio fosse evacuado. 

Há quase um ano, a laje do 6º andar de um hospital da rede, que fica na mesma rua, caiu sobre funcionários de uma empresa terceirizada de limpeza que trabalhavam no interior do prédio.

Qual sua opinião?