Geração de energia solar cresce 175% no Rio Grande do Norte

O setor de energia solar fotovoltaica cresceu 175% em um ano no Rio Grande do Norte e a estimativa é que em 2040 só a energia do sol vai representar 32% da matriz energética brasileira.

“Pra uma boa geração, nós precisamos basicamente de duas coisas: a irradiância solar forte, muito sol e poucas nuvens”, explica o professor de energia elétrica Augusto Fialho.

O Instituto Federal do Rio Grande do Norte adotou a energia solar em todas as 21 unidades. “Um investimento de mais de R$ 16 milhões e nos traz uma economia anual de R$ 1,3 milhão”.

Jornal Nacional