Morre delegado baleado em 2015 depois de briga em supermercado na PB

Morreu, nesse sábado (11), o delegado da Polícia Civil Leonardo Machado, de 40 anos, que foi baleado em 2015 após dois homens atirarem contra ele, no município de Uiraúna, no Sertão do estado. Os disparos atingiram a cabeça e tórax do delegado, que estava em estado vegetativo.

A Associação de Defesa das Prerrogativas dos Delegados de Polícia da Paraíba (ADEPDEL) confirmou a morte dele e manifestou “profundo pesar pelo falecimento de seu associado”.
A nota ainda diz que “há três anos Leonardo vinha lutando pela vida, após ter sido, de forma covarde e vil, alvejado. Os delegados, a Polícia Civil e a ADEPDEL estão de luto”.

O caso
Segundo investigações da Polícia Civil, o delegado foi atingido com três tiros em uma praça depois de uma discussão por causa de uma fila de supermercado. Consta no inquérito policial que um teria passado na frente do outro, o que gerou uma revolta. Quando Leonardo Machado saiu do estabelecimento para encontrar os familiares foi atingido pelos tiros.

A vítima foi socorrida pelo Samu para o Hospital Regional de Cajazeiras de onde foi transferido pelo Helicóptero Acauã, da Secretaria de Segurança Pública da Paraíba, para o Trauma da Capital.

O comerciante Ivamar de Paiva Barreto foi apontado pelas investigações da Polícia Civil da Paraíba como autor dos tiros contra o delegado e foi condenado por homicídio no Rio Grande do Norte.
Portal Correio

Qual sua opinião?